Encore Paris

 

 Começo esse post abrindo um parêntesis para a música do Paco Pigalle, um DJ francês que apresenta um programa dominical na Oi Fm. Dá um cliquinho lá pra “entrar no clima” da França bacana, moderna e clássica ao mesmo tempo, o repertório é delicieux.

Quinta-feira, 08/11 – Continuamos nosso lerê pelos museus, só que o de hoje foi o mudernérrimo Centre Georges Pompidou, Beaubourg pros íntimos.  A arquitetura do prédio é um barato, sonho de todo arquiteto descolado: muita tubulação aparente, estruturas de aço e vidro, escadas externas e, last but not least, um acervo moderníssimo, com os artistas mais representativos da “mudernidade”.  Ao lado do museu tem uma pracinha com um espelho d’agua cheio de esculturas móveis, as Nanas (mocinhas, na gíria local – estrelas do vídeo acima).  Nem precisa dizer que o prédio tem uma vista de tirar o fôlego, né?

paris-roma-219.jpg  dsc01092.jpg  paris-roma-222.jpg

Como o Beaubourg fica pertinho do Marais, continuamos explorando nosso passe de museus (ou mapa de peregrinação cultural, se preferir) e fomos visitar o Museu Carnavalet, que conta a história da Cidade de Paris, com direito a pedacinhos do prédio da Bastilha.  O museu é lindo e muito bem montado, o jardim parece cenário de tão bonito, mas o NOSSO conceito de visita a museus prevê mais ou menos umas duas horas.  Em Paris, isso não dá nem pra se desvencilhar do papo do vigia de cada sala! No mínimo uns três dias de caminhada em cada museu só pra uma “vista d’olhos” no acervo, excluindo-se o mega-museu Louvre, que demanda uns oito anos de visitas diárias só pra entender o sentido da organização histórica das peças.

paris-roma-238.jpg

Na esquina no Carnavalet fica um outro museuzinho interessante, o Picasso.  Existem vários “Museus Picassos” pelo mundo afora, eu achei que esse aqui merecia um acervo mais amplo, já que o catalão viveu aqui por tanto tempo.

Depois de tanta cultura nós resolvemos nos entregar um pouquinho aos prazeres do consumismo e fomos gastar uns eurinhos na Printemps, ao lado das Galeries Lafayette (toda paramentada para o Natal). 

 paris-roma-245.jpg

 Lá tem stands de todas as lojas de griffe de Paris, como se fosse uma Feira da Providência chique: alta costura, chocolates, chás, bolsas e malas, tá tudo lá.  E aqueles mapinhas que os hotéis fornecem dão direito a um descontinho nas compra$$$$$.

Por puro acaso e cansaço acabamos jantando num restaurante atrás do hotel que se tornou a maior descoberta da viagem: chama-se Le Manège de l’Ecuyer (6, rue de la Sourdière – tel: 01 49 27 00 64 – não tem saite ainda) e é pilotado pelo Camèl, que ficou nosso amiguinho, nos ofereceu escargots e nos apresentou ao Bar, um peixinho francês de se comer rezando.  De sobremesa fez um Crème Brulée e um suspirinho de limão cuja receita ele diz que é secreta.  O restaurante é bem pequeno e escondidinho, mas o chef é uma simpatia.

 paris-roma-248.jpg  paris-roma-250.jpg  paris-roma-290.jpg

Sexta-feira, 09/11 – Hoje é o último dia do nosso querido passe de museus.  Sabe, eu acho que o grande barato dessa peregrinação cultural é se deslocar de um lugar pra outro, observar as pessoas nas ruas, andar de ônibus e metrô, subir num ponto descer no outro, brincar de ser parisiense, prestando atenção na atitude dos habitantes “de la ville”.  Entre uma experiência sociológica e outra, a gente visita uns museus pra “agregar valor” à viagem.

Nossa próxima foi o Museu Rodin, na “Rive Gauche”.  Depois de assitir ao filme Camile Claudel, é assombroso ver aquelas esculturas todas ali pertinho, ao toque da mão, parecendo vivas, caminhando pelos jardins.

 paris-roma-306.jpg   paris-roma-316.jpg

De lá, mudamos de estilo para o arrojado Quai Branly, um museu  … hum …”étnico”.  As instalações são moderníssimas, parecidas com o Museu da Língua Portuguesa, lá em Sampa.  Tudo multimídia, em salas com iluminação dramática, muitos terminais de consulta, mas nem uma palavra sobre o Brasil ou o Japão… num inteindi 😳

 paris-roma-273.jpg   paris-roma-270.jpg

Seguindo mais uma vez a dica da Maria Lina, fomos bisbilhotar os toilettes mais limpos de Paris: é um barato! São limpíssimos mesmo (também, por 1,50 euros…) e tem uma lojinha pra vender uns gadgets super legais.

 dsc01103.jpg   paris-roma-266.jpg

Terminamos o dia no Arco do Triunfo (nós e todos os japoneses que por ventura estivessem em Paris naquela noite…)

paris-roma-274.jpg

Sábado, 10/11 – Chega! Cabô! C’est fini o passe de museus…OBA! Viva o consumismo, capitalismo na veia, frivolidades já!  Refizemos todo o circuito cultural, só que agora com olhinhos de  mulheres com cartõezinhos de crédito aprisionados no fundo da bolsa.  Entre uma echarpe e um perfume aproveitamos pra fotografar algumas fachadas legais. 

paris-roma-277.jpg  paris-roma-257.jpg  paris-roma-143.jpg

paris-roma-144.jpg  dsc01100.jpg  dsc01032.jpg

dsc01102.jpg  paris-roma-141.jpg  paris-roma-139.jpg

paris-roma-142.jpg  paris-roma-210.jpg  paris-roma-287.jpg

Domingo, 11/11 – Hoje acordamos mais tarde e fomos caminhando até a Place de la Concorde.  Adivinhe quem estava lá nos esperando?

paris-roma-296.jpg 

O Sarkozy!  Já que o Fidel deu bolo em Cuba, ele veio nos receber pessoalmente.  Ou se preferirem, nós cruzamos com a cerimônia de celebração do fim da 1ª Guerra Mundial.  Eu prefiro a primeira opção.

Em seguida (eu não acredito…) fomos ao Gran Palais, ver a exposição do Courbet, que não estava incluída no nosso famigerado passe (que mania de museu!).  Valeu a pena cada um  dos 78 minutos que ficamos na fila (sim, porque como eu já disse lá no primeiro post, parisiense adora uma fila, ama um museu, fila pra museu então, é programa familiar para o domingo todo) A exposição estava bacanérrima, apesar de estar muito cheia.

200px-gustave_courbet_auto-retrato.jpg

Terminamos o domingo em Montmartre debaixo de uma chuva fininha, passeando pelas ladeiras, consumindo nas lojinhas, comendo croissants com café e assistindo a missa na Basílica de Sacre-Coeur.  Como estava prevista uma greve dos transportes para a próxima semana, o padre pediu que os fiéis subissem a pé para valorizar o sacrifício da novena 😀 A chuva era o pranto parisiense pela nossa partida…

paris-roma-320.jpg

Segunda-feira, 12/11 – As últimas compritchas tomaram toda a manhã, mas nosso amigo Camèl exigiu(?!) nos dar um presentinho de partida, uma legítima Tarte Tatin feita por ele.  eu imaginei uma tortinha que coubesse na palma da mão, mas quando chegamos lá cheias de sacolas nos deparamos com uma torta tamanho aniversário 😕 que fazer com essa delícia ainda quentinha?  Levar para o aeroporto, claro… e lá comer, já que não dá pra embarcar  com esse “mimo”. C’etait un “singe”!

paris-roma-343.jpg

Anúncios

Tags: , , ,

16 Respostas to “Encore Paris”

  1. Diogo Says:

    Ai, que saudades (suspiro nostalgico)…

    Tuas fotos tão show!!!

    Bjão

  2. Arnaldo - FATOS & FOTOS de Viagens Says:

    ÓTIMO viajar nesta matéria sobre Paris, rever esta cidade espetacular através da lente de sua câmera e de se olhar viajante.

    Muito bacana.

  3. Majô Says:

    Meilin,

    Nada melhor para elevar a auto-estima de uma mulher do que entrar na Gallerie Lafayette ou Printemps com aqueles mil aromas de perfume, é de enlouquecer !!
    Nham crème brullée e tarte tartin, AMO !!!

    O post está bárbaro !! com direito a links e música 😆

  4. Meilin Says:

    Obrigadinha, co-tripulantes, pela visita e pelos elogios.

    Arnaldo, minhas fotos são lambe-lambe perto das suas. Quando eu crescer eu quero ter o seu talento pra daguerreoptipia 😀

  5. Emília Says:

    Essa maratona eu encaro, hehe…eu também sou louca para xeretar num museu, a gente nunca sabe se aquela obra inesquecível vai estar bem ali, em um ou outro…
    E a dica do restaurante do Camèl é ótima…e que simpatia! Eu não acharia ruim matar uma tarte tatin nessas esperas bestas em aeroportos…decididamente uma das minhas sobremesas favoritas!
    PS: Aquela primeira foto de vocês está linda!

  6. Carla Castro Says:

    Ai, ai, Paris!!! Que delícia esse seu post!!! Ainda devo voltar lá esse semestre 😀 !!!

    A tristeza foi ver vocês no aeroporto e saber que não vai ter mais posts da minha cidade favorita…

    Abraços,
    Carla

  7. Carmen Says:

    O seu viagem a París é o sonho de toda pessoa amante do Arte.
    Meilín, boa dica o restaurante Le Manège de l’Ecuyer. Tomo nota.
    Eu conosco o museo Picasso de BCN, mais nâo conosco el de París. Lástima!!!.
    Adoro a Courbet e também a Tarte Tatin. Vive la France!!!.
    Beijos e obrigada por as dicas tan boas.

  8. Patsy Says:

    Meilin, adoro museus também, adorei essa maratona!!!!! 😀

  9. Arnaldo - FATOS & FOTOS de Viagens Says:

    Saiu uma matéria muito boa sorbe museus na Europa, sendo o destaque o Louvre. Foi na revista FLASH. Lembrei-me dessa sua matéria!

  10. Fatima Says:

    conheci seu blog , através do da Lina . Amo de paixão Paris . Vou sempre quando posso e é uma alegria encontrar pessoas com o mesmo ”olhar”…
    Amo a sua maneira de dizer as coisas . Parabéns !!!

  11. Majô Says:

    Parabéns pra essa blogueira querida, felicidades e muitas viagens, uhuuuuu 😆 😆 FELIZ ANIVERSÁRIO !!!!!!!!

  12. Diogo Says:

    Ei, não tem atualization aqui não?! Agiliza querida!!

    Bjos

  13. Maria Lina Says:

    Ai que sumiço o seu.
    Você vai me mandar as suas fotos?
    Adorei.
    Um grande beijo
    Maria Lina

  14. Danilo Hadek Says:

    Salut!! Comment vas-tu?

    J’espere trés bien… Est-ce que tu aime voyager? Moi aussi, c’est mon travail.. hihi 😉

    Olá,

    Gostaria que entrasse em contato, via e-mail , por gentileza. Tenho algumas idéias para o meu, o seu e mais alguns blogues sobre turismo e viagens.

    Abraços,

    Blog Meio Aéreo – Comissários de bordo

  15. Joyce Cristina Ferreira Rosa Says:

    Olá!

    Muito legal viajar pelo seu Blog, está maravilhoso!

    Estou indo a Paris em Novembro/2008, de 07/11 à 16/11, e estou preocupada com o frio, será que vc pode me informar a temperatura média que vc pegou lá em novembro/2007.

    Um abraço!
    Joyce

  16. Meilin Says:

    Oi, Joyce, eu tive muita sorte no ano passado, a temperatura ficou entre 11 e 13 °C, e choveu muito pouco, ou seja deu pra curtir um friozinho e passear muito. Boa viagem!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: