Belzonte Cultural – o CACI

caci-036.JPG

Como muita gente sabe, minha mana adotou a cidadania “mineiroca” (mineira+carioca) e eu vivo visitando esse ramo “belzontino” da família.  Toda vez que eu vou lá, ela aparece com uma novidade “alterosa”.  

A novidade que mais me encantou foi o Centro de Arte Contemporânea de Inhotim, o CACI. É um mega-museu a céu aberto a 60 km de Belo Horizonte, instalado numa antiga fazenda de 300 mil m2 que pertenceu à uma empresa mineradora na região de Brumadinho (Inhotim – pertencente ao senhor Tim).  O CACI foi criado em 2004 com o acervo do empresário Bernardo Paz, e conta com obras de artistas brasileiros reconhecidos internacionalmente como Hélio Oiticica, Cildo Meireles, Tunga, Vick Muniz e outros estrangeiros.

São sete edifícios projetados por Paulo Orsini, perfeitamente integrados aos jardins nababescos da grife Burle Marx. 

dsc00889.JPG caci-035.JPG dsc00896.JPG caci-007.jpg

caci-037.JPG   caci-001.jpg  caci-010.jpg

Eu não sou exatamente uma marchand, mas saí de lá entendendo tudo sobre as obras expostas, as visitas guiadas (vale muuuito a pena agendar) são feitas por alunos de artes plásticas e por estudantes da comunidade local patrocinados pelo próprio museu.  Isso torna tudo mais interessante.

caci-024.jpg

(Qual é a cor dos carros?)

caci-012.jpg

(De longe parecem mariposas voando)

caci-016.jpg

(mega-dedal, hiper-linha e über-agulha, com farpas metálicas, presas MAGNETICAMENTE)

caci-034.JPG

Espelhos amigos e inimigos (côncavos e convexos)

caci-005.jpg

Uma bola de futebol espacial? Não, uma instalação muito “enjoativa” com uma fonte e luz negra

Mas, o que mais impressiona são as experiências sensoriais.  Algumas “instalações” se propõem a provocar os sentidos.  A que eu mais gostei foi uma sala com 40 caixas de som de altíssima qualidade que reproduzem um coral masculino de 40 vozes, tocando uma peça barroca.  Pode-se escutar cada um deles respirando, tossindo e falando antes de começar a cantar.  Nós ficamos no meio da sala e quando eles cantam juntos dá a exata sensação de estar no meio do palco, aonde quer que eles estejam.  

caci-025.jpg

Agora o museu foi providencialmente equipado com dois restaurantes, um deles tipo bistrô e outro com um buffet muito bem servido, com paredes abertas pros jardins nababescos.  É um passeio pra todos os sentidos.

caci-020.jpgcaci-019.jpgcaci-018.jpgcaci-004.jpg

Aberto de quinta a sábado, o Centro recebe visitas gratuitas agendadas anteriormente, e grupos escolares exculsivamente às quintas-feiras.

Telefone:
(31) 3571 6638
Internet:
http://www.caci.org.br/
info@caci.org.br

Anúncios

Tags: , , , , ,

21 Respostas to “Belzonte Cultural – o CACI”

  1. Carmen Says:

    Meilin,
    Qué post más lindo.

    Nâo conocía ese lugar. Es un Centro de Arte Contemporáneo al aire libre muito interesante y espectacular o por lo menos lo parece por las fotos. La zona de las experiencias sensoriales debe ser maravillosa, seguro que más de uno descubre un sentido olvidado.
    Además puedes comer o tomar algo en el mismo lugar lo que supone que puedes ir a pasar el día, igual que si estuvieras de “picnic”.

    Está cerca de Belo Horizonte, por lo que he leído en tu post y para llegar hasta allí ¿Hay buena carretera para ir por tu cuenta o existe algún tipo de transporte público o privado?

  2. Carmen Says:

    Meilin,

    Intento entrar en la página web del museo y no puedo. ¿Hay algún problema?

  3. Meilin Says:

    Oi, Carmen, realmente, não consegui carregar a página deles tampouco…Para chegar lá é meio complicado, só de carro mesmo, mas a estrada é boa :-]

  4. Proncovô, nhô Tim? « Viaje na Viagem Says:

    […] Pro blog da Meilin, pra ver o que ela escreveu sobre o centro cultural de Inhotim. E pra parar de ficar falando que […]

  5. Ricardo Freire Says:

    Eu quero! Eu quero!

    Olha só: vocês não estão conseguindo acessar a página porque o site mudou :mrgreen:

    É http://www.inhotim.org.br

    bjs!

  6. Guilherme Lopes Says:

    Que bom que você gostou!!!

    Volte sempre a BH.

    ; )

  7. Arnaldo - FATOS & FOTOS de Viagens Says:

    Muito bacana e bem lembrada matéria. Eu NÃO conhecia o lugar e da próxima vez que for a BH tentarei pedir que o Rodrigo Purisch me leve lá!

  8. Andre http://andreurso.blogspot.com/ Says:

    Cheguei aqui atrvés do blog do Ricardo. Muito bonito esse lugar. Deveria haver mais espaços culturais como esse em nossas cidades. Fiquei curioso.

  9. GiraMundo com Jorge Bernardes Says:

    Adorei o texto e adorei o lugar! Quem poderia imaginar que haveria um lugar assim em Inhotim? Experiências sensoriais, achei demais a obra das “mariposas” e a pergunta de que cor é o carro foi demais.
    Obrigado por mostrar o caminho para coisas novas!!!!

  10. Majô Says:

    Meillin,

    Você sempre nos traz lugares interessantes e pouco visitados ! Eu já li matéria sobre este Museu, há um tempo atrás, acho que no Globo. Havia fotos de várias esculturas, acho que uma delas era do Tunga.

    As fotos como sempre estão ótimas, e o passeio deve entrar na programação de qualquer pessoa que vá a Belzonte, némezmo ?
    beijinhos

  11. Patsy Says:

    Oi Meillin,

    Passei aqui para conferir e adorei, preciso ir para Belo Horizonte…rs, preciso!

  12. Flavia Penido Says:

    Também adorei! É o que eu falo sempre: o que tem de coisa no Brasil que a gente não conhece, é brincadeira…

    Adorei o post!

    Beijos

  13. Emília Says:

    Sempre tive curiosidade de conhecer o CACI, mas não apareceu a oportunidade ainda…quem sabe na próxima 🙂
    Meilin, você é a agitadora cultural dessa comunidade, pode continuar com as dicas quentes 😀

  14. Leo Borges Says:

    Oi Meilin, conheci seu blog através da sua irmã mineiroca. 🙂 Ela me apresentou o seu e o VnV e desde então tenho acompanhado.

    O CACI é realmente muito bacana, vale a pena.

    Ah, e o pedido pro Riq escrever sobre Paris veio em ótima hora. Também irei ainda esse mês. 🙂

  15. Douglas e Julia Sawaki Says:

    ola!
    Post bacana. Gostamos de ler…
    Quando der, iermos ler tudo.

    Bom, fica o convite para voce conhecer nosso blog com o diario do nosso mochilao pela Asia. Estamos agora na India.
    Abracos…

  16. Lila Says:

    Meilin, muito bonito esse lugar hein! pena estar tão longe de BH….
    vi no Viajenaviagem que vc. está procurando dicas de Paris,Roma,etc…
    uma amiga blogueira acaba de voltar de lá, quem sabe ela possa te dar boas dicas, não é? o blog dela é esse aqui: http://beijo-tchau.blogspot.com/
    espero ter ajudado….

  17. Meilin Says:

    Valeu a dica, Lila, brigadinha 😉

  18. Sabuga Says:

    Inhotim é sensacional.

    Agora, colocar essas fotos com esse gadget aí não é nada bom, muito chato esse snapshot

  19. Silmara Colombo Says:

    Não conheço quase nada de MG, mas estou curiosíssima para conhecer Inhotim. Feliz 2012.

  20. Karina Motta Says:

    Muito bom! Veja também http://www.blogviagenspelobrasil.blogspot.com.br/2013/11/inhotim-um-lugar-magico-e-inesquecivel.html

  21. Inhotim – Brumadinho/MG – Viagem a Doi2 Says:

    […] Inhotim no Pergaminho eletrônico, por Meilin Guia […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: